Menu fechado

Minha casa solar: energia solar residencial é possível

minha casa solar

Uma casa solar não só é possível como também necessária, principalmente em tempos de crise econômica como a que atravessa o nosso país, além de ser uma maneira sustentável de utilizar energia. Uma das maiores vantagens no uso da energia na casa solar é a grande economia na conta de luz.

Para conseguir essa economia é necessário instalar energia solar através da instalação de placas fotovoltaicas no telhado. E os benefícios são muitos. Além de valorizar o imóvel, não há o incômodo do barulho dos geradores, não polui o meio ambiente e a instalação é rápida.

Como funciona a energia da casa solar?

No telhado da casa solar são colocados painéis de silício cristalino ou de arsenieto de gálio, que captam a luz solar e a transformam em energia elétrica. Nos painéis são afixadas células em forma de cristais que contêm fósforo e condutores metálicos, e um vidro na parte da frente para proteger as células. Os condutores metálicos fluem entre duas camadas com cargas diferentes.

Evolução da construção de casas até a casa solar

Durante muito tempo o único modelo de casa que conhecíamos era o tradicional. As casas eram construídas com fiação passando por dentro das paredes e posteriormente ligadas à rede elétrica pública que levava a energia elétrica para dentro das casas.

Muitos anos se passaram até que a energia elétrica começasse a entrar em colapso devido ao alto custo da manutenção das hidroelétricas e dos danos causados ao meio ambiente para que fossem construídas. Testes começaram a ser feitos com a energia enviada pelo Sol e logo começaram a surgir as primeiras placas que acumulavam a energia solar.

A tendência é que esse tipo de energia comece a ser usado cada vez mais, uma vez que aumenta a necessidade da economia de água e de outros recursos para preservação do Planeta. É uma energia limpa, e apesar do custo inicial para ser instalada, com pouco tempo trás o retorno do investimento, através da queda no valor da conta de luz.

É possível reduzir em até 90% o valor da conta de luz com a instalação das placas de energia para fazer uma casa solar. Num país como o nosso onde o sol é figura quase que permanente nos 365 dias do ano, é bem possível fazer uso desse tipo de energia. Outro tipo de energia possível é através do vento. Como podemos constatar, a natureza nos oferece todos os recursos para uma vida sustentável.

Custos da energia solar

O uso da energia solar pode ser em grande escala ou pequena escala, dependendo que quantas placas são instaladas e quanto o Sol incide sobre a região. O custo ainda é bem alto, por isso que a energia gerada nas hidroelétricas ainda é o mais usado.

Atualmente muitas pessoas ao construírem suas residências optam pela instalação das placas para transformar a energia solar em eletricidade e acrescentam outras formas de construção sustentável. É a casa solar que no futuro se tornará comum a todos. Portanto, a energia gerada pelas hidroelétricas está com seu tempo de vida contado.

Por isso, um ponto deve ser bem analisado ao decidir pela energia solar. Devemos primeiramente ter certeza de que será instalada num lugar onde permaneceremos por um longo tempo, por causa do alto custo de instalação e pelo tempo necessário para o retorno do benefício.

Quanto mais é usada, mais retorno vai gerando, sendo que instalar a energia solar numa casa onde a permanência será breve, nenhum benefício vai ser gerado. É necessário algum tempo para que o retorno comece a ocorrer, para que seja paga a despesa com a instalação e o lucro seja visível.

Portanto, em casas de temporada também não deve ser instalada, pela breve permanência no local que não daria tempo para que o lucro fosse sentido.

A lâmpada mais utilizada para iluminar a casa solar através da energia fornecida pelo Sol, é a lâmpada de LED. O mercado já possui vários modelos de luminárias para essa lâmpada, e que funcionam exclusivamente com energia solar.

É preciso investir

Em algumas casas a energia solar não é utilizada para todos os fins. Seu uso fica restrito ao uso do chuveiro que é o aparelho que mais consome energia elétrica causando maior aumento na conta de luz. Mas, aos poucos toda a energia convencional será substituída pela energia solar. Para tanto, é necessário incentivo governamental.

Muitas pessoas já optaram pelo sistema de energia solar e obtiveram bons resultados. O motivo principal é a economia, seguido pela necessidade de fazer algo pelo planeta. Afinal, todos esperamos que um dia economia e sustentabilidade andem de mãos dadas.

Tudo no mundo passa por transformação e a tendência natural é a evolução. Por isso, é tão necessário investir na energia solar e construir casa solar para o bem estar das pessoas e do planeta. Mas, infelizmente esbarramos em obstáculos que impedem que o avanço seja rápido.

Pontos positivos e negativos da casa solar

A energia solar é uma energia limpa e renovável, ou seja, nunca acaba.
Não emite gases poluentes ou outros resíduos.
Não agride a saúde nem o meio ambiente.
O custo de manutenção é baixo.
Pode ser usada nos locais onde a energia elétrica não chega.
Em dias de chuva ou durante a noite não há geração de energia solar.
O custo de instalação ainda é muito alto no Brasil.

Esses dois últimos itens são as únicas desvantagens da energia solar.

No mundo todo, de toda energia produzida e consumida, apenas 1% é de energia solar. Mas, a produção vem aumentando, à medida que os governos tomam consciência de que é necessário tomar providências com urgência para parar a destruição do planeta.

Para quem está construindo ou pensando em construir uma casa solar, vale a pena investir nessa tecnologia fornecida pelo Sol. É natural, não causa danos e trás tranquilidade e paz na consciência. Afinal, a Terra é a nossa casa e precisamos cuidar dela com o mesmo carinho com que cuidamos de nós.