Menu fechado

O Signo de Leão

Conheça aqui dados interessantes que tornam os nativos sob o signo de Leão seres realmente admiráveis. Saiba também a origem do símbolo mitológico do animal que empresta seu nome ao signo. Além disso, você vai descobrir que é qualidade de um signo.

O signo de Leão

É o quinto signo astrológico do zodíaco e está associado às energias da constelação de Leão. O signo de Leão está localizado logo depois de Câncer e logo antes de Virgem no plano da astrologia.

O período do ano do signo de Leão é o compreendido entre 23 de julho e 22 de agosto. Quanto ao quadro celestial, está entre 120º e 150º de longitude.

Leão é um dos signos fixos junto com Touro, Escorpião e Aquário (veja mais abaixo informações sobre signos fixos). O corpo celeste Sol vaga por todo o período do signo no zodíaco tropical; já sob o zodíaco sideral, o Sol transita nessa região entre 16 de agosto a 15 de setembro.

O plano do zodíaco considera o Leão de Neméia (conheça mais sobre essa personagem mitológica abaixo) como símbolo do signo dos leoninos.

Leão é signo do norte; o signo oposto a si é Aquário. O elemento associado ao Leão é o fogo. Isso já indica algumas posturas dos nascidos sobre o signo de Leão em determinadas situações.

O signo de Leão insere características interessantes na postura de seus nativos. Paixão, generosidade, alegria, calorosidade, criatividade, inteligência são algumas delas que fazem dos nascidos seres bastante sociáveis cujo convívio é muito agradável.

Um signo controverso

Por outro lado, dependendo de determinadas fases, o nativo pode ser arrogante por conta de sua inteligência, egocêntrico também por isso e inflexível na exposição de suas ideias.

O leonino gosta de viagens, de períodos de descanso, de entretenimento junto com amigos e parentes. Afinal, precisa desacumular estresses durante os períodos de trabalho. Isso se dá porque ele se entrega com garra incrível às tarefas de suas incumbências.

Em função do poder de expressar opiniões, não gosta de ser ignorado. Assim, o nativo no signo de Leão prefere ser o centro das atenções a oferecer atenção a terceiros. Nesse caso, enfrentamento de realidades que o excluam do nível de liderança não é muito saudável para ele.

Aliás, liderança é outra características bastante efervescente na postura do signo de Leão. Afinal, ele tem consciência da utilidade de seu poder intelectual na sociedade em que vive. Às vezes, isso transparece algo como arrogância. Porém, acontece que ele é altamente autoconfiante. Daí o instinto de liderança.

A criatividade dos nascidos no signo de Leão chega a seus objetivos com certa facilidade justamente porque confiam em si mesmos. De certa maneira, não se preocupam muito com seus próprios limites. Ou melhor, eles não têm muita consciência disso, pois não conhecem tais limites.

O instinto leonino convém ao próprio animal que o representa. Em determinadas situações, é capaz de liderar grupos com posturas e ideias diferentes e fazê-los chegar a um lugar comum.

Fogo é abundância de energia. Então, o leonino precisa sempre se ocupar de algo para extravasar essa energia. Portanto, marasmo não é palavra que o atraia e ações simples não são momentos que o deixam feliz.

A mulher de Leão

Os signos de Áries e Sagitários são os dois outros que formam a tríade do fogo com o signo de Leão. O calor do fogo é, portanto, base para composição da personalidade do leonino. Nesse caso, paixão é sentimento nato para ele.

Por outro lado, a constante luta que a mulher em si trava para se manter na sociedade, aliada aos dons do signo de Leão, faz da leonina uma batalhadora sem conta. Ela é adequada quando as situações apresentam problemas de extrema dificuldade. Afinal, juntamente com a paixão, a inteligência é fato no jeito de ser da leonina.

A leonina adora Sol. E esse “adorar” é tanto nas questões físicas propriamente ditas quanto conceituais. Portanto, elas são majestades por si sós. Têm traços destacáveis, assim como qualquer felina nativa. E leonina é sensual por natureza em função do elemento fogo. Contudo, podem ser bravias no momento de enfrentar qualquer dificuldade.

A necessidade brilhar é mais intensa na leonina que propriamente nos homens nascidos sob o signo de Leão. Afinal, ela não entregar de mão beijada seu posto central, seu trono. Por outro lado, muito mais que o leonino, a leonina é frequentemente vista no ambiente familiar.

O Homem de Leão

O homem nascido no signo de Leão é imperador por excelência. Ele precisa liderar, imperar. E isso acontece mesmo nos assuntos de relações íntimas. Entretanto, nesses assuntos, a mescla com o sentido de generosidade pode aliviar um pouco suas necessidades de se destacar.

Por outro lado, isso nada tem a ver com narcisismo, necessidade premente de submeter terceiros à sua vontade ou algo que o valha. Trata-se mesmo de seu jeito natural de ser em busca constante por respeito de terceiros. Então, é bom ter em mente a complexidade dessa empreitada se alguém pretender construir planos e futuros com o homem de leão.

Afinal, os leoninos são dramáticos e emocionais. Por isso, vão oferecer presentes facilmente, vão mimar amigos, conhecidos e parceiros. E nada há de segundas intenções nesses momentos. É apenas o reconhecimento da força de bons relacionamentos.

Por outro lado, pessoas a sua volta vão precisar demonstrar merecimento sobre aqueles mimos. De que maneira? Oferecendo elogios consistentes e não hipócritas.

A criança de Leão

>Estando sob a insígnia do Sol e do fogo, é de se esperar que parte de seu brilho se reflita em estrelas e outros astros. É o que acontece com crianças nascidas sob o signo de Leão. O “leoninozinho” vai estar muito contente se brilhar muito. Claro, dentro dos limites infantis.

Os pequeninos representantes do signo de Leão buscam – e conseguem sempre – atenção dos familiares. Assim, anonimato e ocultação de personalidade jamais vão fazer parte das fases do pequeno leão que há dentro deles.

Nesse caso, vai parecer um serzinho em busca de evidências; entretanto, é apenas uso de momentos para exercitar seu brilho futuro. É claro que adultos devem dosar essa necessidade. Caso contrário, teremos um leonino adulto soberbo e arrogante na realidade.

Assim, os adultos precisam ser ativos nos elogios e no encorajamento. Porém, sempre com parcimônia e cuidados especiais.

Além disso, a força do animal começa se formar justamente nos pequenos representantes desse signo. Se não houver ressalvas por parte de adultos, como sugerido acima, o pequeno leonino vai querer medir forças. Isso pode acontecer tanto no sentido figurado quanto no sentido físico mesmo.

Por outro lado, a criança do signo de Leão é alegre, divertida, sorridente. Isso é tão real que ela gosta de se manter acordada por muito tempo e isso pode atrapalhar seu desenvolvimento físico. Novamente, é preciso que adultos se interponham nesse contexto.

Leão no Trabalho

Uma das mais fortes alegrias dos nativos no signo de Leão é estar ocupado. Aquele natural instinto de liderança se apresenta ainda mais nessas ocasiões. Quer esteja a trabalho para alguma organização ou pessoa, quer não esteja, o leonino vai se ocupar sempre. Afinal, como já dito, ócio é veneno para o leonino.

A inteligência que é latente tende a tornar o signo de Leão um ser meio ambicioso. E a criatividade ajuda muito nisso, juntamente com o senso de otimismo. Assim, é comum se ver os nativos desse signo em cargos de chefia. E, normalmente, em chefia sobre si mesmos, como autônomos.

Então, atividades laborais que criem ambiente para sua criatividade, especialmente a artística, são ideais para nativos do signo de Leão. Gestão de pessoas e educação social são outras áreas bastante atraentes para eles.

A gente mencionou bastante o instinto de liderança do leonino. Ocorre que os nativos do signo de Leão externam essa liderança ainda que seus liderados não percebam. Isso é natural no leonino; nada imposto.

Situações, objetos e aparelhos que emitam aura de modernidade e vanguarda são altamente atraentes para os nascidos no signo de Leão. Tais circunstâncias estimulam o caráter de sociabilidade inerente a eles, bem como a curiosidade e busca pelo novo.

Leão na Vida Amorosa

Por estar intimamente vinculado ao fogo e ao Sol, é compreensível que leoninos mostrem intensidade absurda no amor. Assim, timidez não é com eles no momento de demonstrar seus sentimentos. Afinal, aquele fogo precisa de espaço e, dentro de si, não há o suficiente para que seja contido.

No amor, os nativos sob o signo de Leão são sinceros e leais e respeitosos e divertidos ao mesmo tempo, pois reconhecem a individualidade de todos a sua volta. Isso se dá em função do sentido de generosidade já bastante comentado neste artigo.

Por outro lado, são sinceros e honestos quando o assunto é relacionamento amoroso. Justamente por conta do instinto de liderança inato, os leoninos vão querer tomar a direção das relações amorosas também. Momentos em que essa, digamos, “autoridade” é mais expressiva podem ser desconfortáveis para o parceiro ou parceira.

Entretanto, os leoninos têm grande facilidade para contornar a situação. Ainda assim, é um tanto difícil para eles reconhecer que seus parceiros precisam também se sentir senhores de certas situações. Afinal, mesmo a luz do Sol pode ser desprezível em circunstâncias de excesso de incidência.

Por toda essa expressividade, a vida sexual dos leoninos é divertida. Não há muita tensão negativa, já que a positividade de suas ações é clara, evidente. Justamente em função da inteligência em confronto com o sentido passional, os leoninos conhecem muito bem a linha divisória entre necessidade sexual e amor propriamente dito.

Leão na Vida Social

A gente já teve chance de comentar aqui que os nativos do signo de Leão são generosos. Essa característica se estende, lógico, para a sua vida social. Eles são amigos, fiéis e leais, conforme também já se comentou. Esses traços são ótimos para convívio, para relacionamento, para compartilhamento de ideias e ideais.

Muitos indivíduos do signo de Leão não se importam com o tempo que vão levar para ajudar algum amigo ou conhecido. Nem as dificuldades para conseguir seu intento social. Por isso, o leonino desenvolve atração em relação à maioria das pessoas que o cerca.

Certamente, essa capacidade de atração nasce do espírito de liderança leonina. Assim, é raro que sejam vistos sem companhias. Mesmo porque o nascido sob o signo de Leão precisa externar aquela inteligência e aquela capacidade de liderar.

Nesse contexto, o instinto de liderança evita que o leonino se dedique exclusivamente à família. As atividades sociais são mais atraentes para ele. Dessa maneira, é natural que, quando na presença da família, boa parte de seus traços se expanda ao máximo. Assim, vai defender os seus com todas as garras que um leão forte dispõe.

Bônus

As características dos signos zodiacais são identificadas a partir de alguns fatores que os agrupam em conjunto de traços comuns. Uma dessas características é a qualidade das energias a que os signos são sujeitos. Ela funciona como orientador para que encarem projetos, objetivos, conflitos, falhas etc.

Essas qualidades são definidas como fixa, mutável e cardinal. Por fim, conheça agora mais detalhes sobre o Leão de Nemeia.

Qualidade Fixa dos signos

Além do Leão, os signos que dispõem de qualidade fixa são Touro, Escorpião e Aquário. Essa qualidade oferece a seus nativos traços de persistência e determinação. Ou seja, esses signos levam seus intentos sempre à frente para buscarem seus objetivos.

É a qualidade fixa que incentiva os nativos a “carregar nas costas” um projeto quando as atividades se desenvolvem em equipe. Nesse contexto, tais nativos podem até mesmo parecer meio inflexíveis e insociáveis. Afinal, a autoconfiança é um de seus traços mais marcantes e nem sempre pessoas com tal característica conseguem expressá-las em um pouco de soberba.

O Leão de Neméia

O Leão de Nemeia (Leo Nemaeus em latim) é personagem da mitologia grega antiga. Essa criatura terrível e feroz vivia na planície de que lhe emprestou o nome, Neméia, na região de Argólida (unidade regional da Grécia, localizada na região do Peloponeso. Sua capital é a cidade de Náuplia).

Segundo relatos e registros históricos, a fera transformava a região em local de perigo constante. E isso se dava até mesmo se ele estivesse distante, pois seu rugido amedrontador era ouvido a quilômetros a quilômetros. Entretanto, era uma característica física que causava mais terror a quem se aproximava do animal.

Afinal, o monstro era aparentemente imortal porque seu corpo era revestido por pele intransponível. Ou seja, não havia material resistente o bastante para perfurar seu corpo. Dessa maneira, qualquer um que tentasse feri-lo era devorado sem piedade pela fera.

Origem não clara

Todo tema mitológico é interessante por conta justamente do mistério e de respostas inexistentes a determinadas questões. Nesse contexto, a origem do animal que simboliza do signo de Leão não está registrada de maneira clara. Há indícios documentais que alegam que o Leão de Neméia foi filho de Equidna e Tifão.

Por sua vez, seus pretensos pais eram monstros também horrendos que deram origem a outros tantos monstros, além do Leão de Nemeia. Já outros registros mostram que o Leão foi filho de um encontro sensual entre a própria mãe, Equidna, e seu filho que tinha duas cabeças de cachorro, o Ortros.

Interessante: o Leão de Nemeia está presente na lenda dos Doze Trabalhos de Hércules. Este recebeu a terrível incumbência de Euristeu para derrotar o monstro de pele inatacável. Claro que Hércules conseguiu seu intento.

Então, é isso. Se você tiver mais dúvidas quanto às características e comportamento dos nativos sob o signo de Leão, exponha usando o campo de comentários abaixo.